O tratamento de infecções helmínticas

Eliminação de parasitas do corpo – um processo complexo. Às vezes, leva alguns meses.

Porque os vermes não tendem a deixar o corpo? Toda a questão está na anatomia dos vermes parasitas. Eles são mantidos nos órgãos internos com a ajuda de ventosas bastante poderosas. Alguns tipos de vermes têm dentes que literalmente mordem os tecidos da mucosa. Assim, os parasitas vivem no corpo humano durante anos e décadas, matando-o lentamente e envenenando os alimentos vitais.

Os sintomas de doenças parasitárias

As infecções por helmintos – um problema delicado. Nem todo mundo decide passar por exame abrangente para identificar os parasitas. Mas alguns sintomas indicam 100% a presença de vermes no corpo.

  • Grande perda de peso sem motivo, ou o contrário – um ganho de peso acentuado, mesmo quando a má nutrição.
  • Aumento do apetite, fome constante.
  • Fraqueza permanente.
  • Anemia.
  • O surgimento de alergias na idade adulta.
  • Fortes dores de cabeça, enxaquecas.
  • A sensação de gravidade para a direita abaixo das costelas.
  • Indigestão.
  • Frequente constipação ou diarreia.
  • A má condição da pele, cabelo e unhas.
  • Dores nos músculos e articulações.
  • Os sintomas comuns da herpes nos lábios.
  • Distúrbios do sono.
  • Redução da capacidade de desempenho, se cansa rápido.
Alguns tipos de vermes têm dentes que literalmente mordem os tecidos da mucosa.

Como diagnosticar a presença de parasitas no organismo?

Se você encontrou pelo menos a metade destes sintomas, você deve consultar imediatamente um médico. Uma pessoa infectada com vermes é perigosa não só para si mas também para os outros. A infecção ocorre em qualquer contacto casual (aperto de mão, beijos, toque, etc.).

Análise de fezes – o método mais comum de diagnóstico de parasitas – não tão eficaz quanto parece. Sua validade é de apenas 15 a 17%.

Em nossos dias a presença de parasitas no corpo é diagnosticada pelos seguintes métodos:

  • Sorologia. Método imunológico que detecta a presença de anticorpos de helmintas nos produtos vitais. Ele se aplica em qualquer estágio da infecção e a precisão de – 60%.
  • Análise histológica. Análise fecal usando poderosos microscópios – mais potentes do que a análise tradicional. Este método ajuda a determinar que tipo de vermes habitam o intestino humano.
  • Hemoscan. Pesquisa de sangue com o aumento de 1 gota até 2 mil vezes. A análise revela a existência de qualquer tipo de microflora.

Como tratar as infecções por vermes?

Maior parte dos medicamentos anti-parasitárias destrói o fígado

Maior parte dos medicamentos anti-parasitárias destrói o fígado. Para acabar com os vermes e expulsá-los para fora do corpo é necessário o uso de substâncias tóxicas que são prejudiciais não só para os parasitas, mas também para o ser humano. Após seu uso será longo o período de recuperação da saúde.

Mas existem medicamentos que não matam os parasitas diretamente, mas cria no corpo um ambiente insuportável para que eles continuem a viver. Mas este processo vai demorar 1 a 2 meses.

Medicamentos anti-helmínticos são divididos em 3 grupos:

  • Sintetizados;
  • Vegetais;
  • Homeopáticos.

Os medicamentos compostos a base de ervas são os que funcionam com mais eficácia e segurança. Um exemplo clássico – Cápsulas Detoxic. Em sua composição estão vegetais que criam um ambiente perigoso no corpo para os vermes sem prejudicar a pessoa. Além disso, este medicamento destrói não só os adultos, mas também suas larvas. O curso de tratamento é calculado para 1 mês.

Remédios populares

É aconselhável tomar os tradicionais remédios de ervas como complemento na terapia medicamentosa. Antes de iniciar o tratamento é preciso consultar um médico. Alguns recursos não só expulsam os vermes do corpo, mas também faz a purificação do fígado e elimina os efeitos da intoxicação.

Quais são as plantas que ajudam a livrar-se de vermes?

  • Alho.
  • Absinto (cuidado, a planta é venenosa e pode ser perigosa para crianças).
  • Mistura de absinto e tansy (não recomendado para crianças).
  • Raiz do elecampane. Eficaz não só contra parasitas que habitam o intestino. Ele também destrói vermes que vivem no tecido dos pulmões, sangue, fígado e sistema nervoso.
  • Quelidônia-maior. Destrói os vermes e repara o fígado.

Leave A Reply

Your email address will not be published.